fbpx

4 passos para um cavalo reunido como Slick – 1o. passo

Há uma semana compartilhei este vídeo de Slick, ainda potro, vencendo uma prova do futurity americano. E chamei a atenção de vocês para a forma de trabalhar de Slick: sempre tracionando com os posteriores e com um controle de velocidade perfeito. Desde 2012 Slick vence provas e rounds do NFR com Michele Mcleod.

 

Veja aqui o que Michele ensina a respeito dessa forma de trabalhar. São 4 passos para um cavalo perfeitamente reunido e que trabalhe com essa consistência.

 

Como chegar a esse nível de prova usando a posição correta do corpo e o controle de velocidade no percurso?

Para grande parte dos competidores de tambor, o foco principal é a velocidade, afinal faz parte do jogo, certo? Não necessariamente. A velocidade é um ponto importante no tambor, mas é apenas uma pequena parte dessa equação. Para ter um cavalo firme e tempos baixos constantes, é preciso dominar a sua própria posição de corpo durante os giros e poder controlar os movimentos do seu cavalo.

 

A sua posição de corpo nos giros é essencial para o sucesso da sua prova. Michele explica como posicionar seu corpo enquanto faz o giro nos tambores. Em seguida ela ensina a executar 4 exercícios para aperfeiçoar a sua posição e para ensinar seu cavalo a se movimentar corretamente ao redor dos tambores.
Para tirar o máximo proveito desta lição:

  • Use o bridão com o qual seu cavalo fica mais confortável e responsivo.
  • Use uma boa cabeçada e rédeas fechadas.
  • Use cloches e caneleiras para proteger seu cavalo.
  • Trabalhe sempre em uma pista com piso macio e uniforme.
  •  Antes de começar, aqueça o seu cavalo para que ele fique flexível e responsivo.

 

Primeiro: a posição.

Sente-se corretamente, mantendo seus quadris e assento no meio da sela; nem para frente nem para trás. Se você estiver muito na frente e seu cavalo parar  repentinamente ou mudar de direção abruptamente, certamente você irá para o pescoço dele. Se estiver muito atrás, a força da curva (força centrípeta- assistiram o vídeo?) levará seu corpo para trás e você acabará puxando a rédea e reduzindo seu cavalo.

Qualquer competidor de tambor precisa de aptidão para se manter na posição correta. Você precisa trabalhar a pressão interna das coxas e ficar aterrado a sua sela. Seu núcleo, ou midsection (O Sucesso nos Três Tambores – assento perfeito) deve ser forte e firme para que seu corpo não se solte da sela nem recue quando seu cavalo sair do tambor. A parte superior do seu corpo pode se mover um pouco, mas com o núcleo do seu corpo firme na sela, você continuará no meio dela.

Fique firme nos seus estribos, acompanhando os movimentos do seu cavalo. Não balance para trás ou para frente e não se incline lateralmente, pois isso prejudica a qualidade de movimento do seu cavalo. Nunca se apoie no estribo de dentro enquanto vira o tambor. Como todos os corpos e objetos, o cavalo possui seu centro de equilíbrio e o seu peso para o lado de dentro certamente influenciará no equilíbrio de seu cavalo. Assim como nós, os cavalos sentem o equilíbrio e o desequilíbrio. Imagine você tentando se manter equilibrado com algo atrapalhando a sua tentativa.

 

Exercício 1: Círculos de pneus

Este exercícios em círculos vai ajudar você e seu cavalo a executarem círculos complexos corretamente.Vai ajudar você a posicionar corretamente sua cabeça e olhos, pois você será forçado a olhar para onde seu cavalo está indo. Se você olhar para fora do círculo, seu cavalo irá para fora também.

 

 

Faça um círculo usando 6 pneus colocados a 2,5 a 3 metros de distância uns dos outros.

Faça círculos corretos ao redor deles, pelo lado de fora, caminhando a passo com mais energia. Circule várias vezes sem mover suas mãos nas rédeas. Não fique indicando o caminho com as rédeas, apenas olhe por cima traçando o caminho por onde ele deve seguir. Apenas olhe para onde você quer que ele vá. Depois faça um círculo com 12 a 15 metros de diâmetro usando pneus ou cones e coloque um tambor no centro. Caminhe ao redor do tambor e dentro da barreira de pneus/cones. Sempre com as mãos paradas, somente olhando por cima para onde vocês devem seguir.

Michele executa esse exercício dentro de um círculo de 4 metros do diâmetro. Você deve começar com o círculo maior (12 a 15 metros de diâmetro) e depois reduzir o tamanho dele conforme seu cavalo for ficando mais firme. O importante não é o tamanho do círculo e sim a qualidade deles. Somente quando estiver fazendo um circulo maior perfeitamente é que estará preparado para um círculo mais justo. Se não estiver perfeito, não tente diminuir, pois seu cavalo não será consistente e você não estará preparado.

 

Objetivo

Seu objetivo deve ser controlar seu cavalo muito mais com o seu corpo do que com as rédeas. É assim que se consegue um controle perfeito do cavalo em velocidade. Comece girando ao redor do tambor a passo, sempre movendo seu cavalo para frente. Faça o círculo várias vezes SEM mover constantemente as mãos nas rédeas. Faça a passo para aprender a controlar seu cavalo com seu corpo e o uso de pressão das pernas de dentro e de fora para que ele não saia nem entre no círculo. Nesse ritmo mais lento você pode aperfeiçoar o posicionamento do seu corpo. Faça para os sois lados.

Quando estiver muito bem fazendo a passo, faça a trote e continue os círculos mantendo sua posição correta e guiando o seu cavalo mais com o corpo do que com as rédeas.

SOMENTE quando estiver afiadíssimo a trote, peça galope. Trabalhando da mesma forma que fez a trote, mas prestando atenção para manter seu cavalo reunido enquanto circunda o tambor.

Quando você estiver no controle total e seu cavalo estiver prestando atenção, pode adicionar um pouco de velocidade. Se as coisas não correrem bem assim mais rápido, volte para o galopinho reunido, circundando algumas vezes até recuperar o controle para depois acelerar novamente.

 

Cuidado:

quando você estiver trabalhando em um círculo menor, não fique repetindo esse processo. Quanto menor o círculo, mais difícil para o seu cavalo se manter nele em velocidade. Isso exige muito do corpo do seu cavalo, então tome cuidado para não colocar tudo a perder. Então, quando seu cavalo acertou a trote, galopinho e galope, dê uma pausa. Caminhe de rédeas soltas e depois repita o exercício para o outro lado.

 

Quando você está em galopinho num círculo maior, é difícil saber se está se inclinando. Então, preste atenção e sente-se no meio da sela, sem se inclinar e fazendo pressão para baixo em ambos os estribos. Se você estiver se aproximando muitas vezes do tambor, sem conseguir manter a mesma distância, provavelmente é porque está se inclinando para o lado de dentro. Mantenha sempre a mesma pressão em ambos os estribos para que possa manter um diâmetro consistente ao redor do tambor.

 

 

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.